Editora Reflexão

Erasmo de Roterdã e a sua contribuição para a Reforma Protestante

Autor(a): EMMANUEL ROBERTO LEAL DE ATHAYDE 

ISBN:9788580883206

Páginas: 70

Formato: 16,0x23,0

Avaliação:


  • De: R$ 34,90
  • Por: R$ 27,92

ou 10x de R$ 2,79 sem juros no cartão

Comprar

Comprar com 1-Click

Diante das comemorações dos 500 anos da Reforma Protestante, embora reconheçamos a importância do monge agostiniano Martin Luder ao afixar suas Teses na porta da Igreja em Wittenberg em 1517, entendemos que a Reforma se deu sob as contribuições de diversos agentes, desde aqueles que são reconhecidos oficialmente como reformadores ou não.
Assim sendo, procuramos trazer ao público uma proposta de ampliação desse importante evento para a história do cristianismo como também para toda a sociedade. Inicialmente destacamos o nome do humanista holandês Erasmo de Roterdã, pois, mesmo que este não tenha se posicionado a favor da Reforma, deixou sua contribuição indelével, através de suas falas, posicionamentos, influências e principalmente ao publicar em 1516 sua primeira edição do Novo Testamento em grego (Novum Instrumentum).
Pela primeira vez na história, o Novo Testamento em grego ficou disponível em formato impresso. Nessa obra Erasmo incluiu notas e também sua tradução do Novo Testamento para o latim, que era diferente do texto da Vulgata. Ele continuou fazendo revisões na sua tradução em latim. Quando ela ficou pronta, tinha diferenças ainda maiores em relação à Vulgata. Esta nova tradução foi lida por Martin Luder favorecendo ainda mais o seu conhecimento das Escrituras, a única autoridade inquestionável por ele reconhecida.